Google+
quinta-feira, Maio 24, 2018

As terapias do relaxamento

Para quem leva um dia a dia corrido a Fisioterapia e Pilates devolvem um pouco do bem-estar.

pilatesTer tempo é praticamente um luxo hoje em dia, e conseguir relaxar é o sonho da maioria das pessoas. São dias agitados, em que junto com nascer do sol vêm várias preocupações, correria o dia todo, e pouco descanso. Por culpa dessa rotina temos cada vez menos tempo para cuidar de nós mesmos. Resultado: o nosso trabalho acaba desenvolvendo lesões e distensões, tanto pela postura inadequada ou pela repetição diária dos mesmos movimentos. E ainda, pode gerar algumas contraturas por estresses e tensões.

Para o tratamento destes problemas, a fisioterapeuta Talia Rubert indica terapias que ajudam a devolver o bem-estar aos pacientes. “Com técnicas manuais, utilização de aparelhos específicos e exercícios direcionados ao problema específico da pessoa, a prática da fisioterapia faz o tratamento de prevenção de lesões, diminui dores em várias partes do corpo e, consequentemente, melhora a qualidade de vida dos pacientes”, coloca.

Muito semelhante com a fisioterapia, pensando no relaxamento e no bem-estar, foi desenvolvido na década de 1920 o Pilates, um método de controle muscular. É atualmente uma técnica reconhecida e muito utilizada para tratamento e prevenção de problemas na coluna vertebral. Trabalha o corpo e a mente ao mesmo tempo, transmitindo calma e tranquilidade tanto aos músculos e coluna quanto ao subconsciente.

A fisioterapeuta lembra que o Pilates é trabalhado de forma individual, avaliando o desempenho de cada paciente. “É um exercício seguro que pode ser praticado em qualquer idade e durante toda a vida. Renova a qualidade de vida dos pacientes, junto com as práticas desenvolvidas pela Fisioterapia.”

Ter tempo de mais também pode prejudicar

Se o pouco tempo para cuidar de si, prejudica a saúde, o tempo de sobra também. O sedentarismo, ou seja, a falta de prática de exercícios físicos pode causar sérias complicações no organismo. “Não se exercitar, ao menos por alguns instantes do dia, aumenta o risco de desenvolver doenças cardiovasculares, e também acarreta no aumento de peso”, diz Talia Libreloto Rubert, lembrando ainda que o sedentarismo pode causar depressão e velhice precoce.

Confira também

3 livros que você não pode deixar de ler

Ler traz inúmeros benefícios a saúde metal e física, estimula a criatividade, expande o vocabulário …

Hidroginástica: exercício bom até debaixo d’água

Você ouviu falar em uma atividade sem impacto que melhora a capacidade aeróbica, resistência cardiorrespiratória, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *