Google+
sexta-feira , 15 dezembro 2017

Gestantes e mamães: cuidado com a má postura.

gestante posturaÉ bastante comum que a postura da mulher mude durante a gravidez, pois com o desenvolvimento do tamanho do feto acontece um deslocamento do centro de gravidade para adiante e, consequentemente, há uma acomodação do eixo do equilíbrio, resultando na lordose lombar.

Além disso, com o crescimento dos seios observa-se o aumento da cifose dorsal, e assim o sobrepeso da gestante carrega as articulações dos quadris, joelhos e tornozelos, levando a dores e desconfortos musculares na região das costas e membros inferiores. A dor muscular gerada pelo stress físico, lesões articulares podem aparecer caso não sejam dadas as devidas atenções, como por exemplo: hérnia de disco lombar e algumas lesões de quadris, joelhos e tornozelos.

Tratar de um recém-nascido (deitá-lo na cama, carregar nos braços, mudar a fralda, darde comer, etc.) supõe um esforço acrescentado, nada desejável para a coluna. De tal forma que, se os movimentos e as posturas forem inadequados, podem surgir muito rapidamente as dores fracas ou fortes na coluna.

Um bom programa de exercícios físicos durante a gravidez e pós-gravidez é importante para que se obtenha um ganho de força muscular nos braços, pernas e tronco, ajudando a mamãe a segurar e deslocar-se com seu filho sem maiores problemas e por mais tempo.

Se estiver parada em pé com o bebê no colo, o peso do corpo deve ser bem distribuído entre as duas pernas. Na posição sentada, principalmente durante a amamentação, é muito importante não deixar a pelve cair para trás (sente sempre “empinando o bumbum”), e não arquear o tronco e o pescoço forçando uma posição de corcunda. Prefira ascadeiras com apoio nos braços, assim usa-se ele para auxiliar a segurar o filho.

Além dos exercícios físicos, a fisioterapia, principalmente nas modalidades de pilates e RPG, pode ser uma grande aliada das grávidas. Através de atividades para o músculo períneo (que sustenta os órgãos genitais) é possível fortalecer o assoalho pélvico, diminuindo e/ou evitando os escapes de urina. Os exercícios do sistema respiratório são feitos para fortalecer os músculos abdominais e assim, aliviar a falta de ar que algumas gestantes sentem. Tanto o RPG quanto o pilates, enfatizam alongamentos amenizando dores e desconfortos.

Gestante esperta, postura certa

– A melhor posição para dormir é virada para o lado esquerdo. Essa posição facilita a circulação do sangue entre mãe e feto, possibilitando o envio de mais oxigênio e nutrientes para o bebê.

– Quando juntar algo do chão dobre os joelhos, passando para a posição de cócoras.

– Ao sentar procure móveis com uma boa ergonomia, ou seja, que proporcionem um bom apoio para as costas e que os pés fiquem bem apoiados no chão.

– Durante o banho, um banquinho antiderrapante é ideal para auxiliar no momento de lavar pernas e pés.

Mamãe ligeira, postura certeira

– Para o pós-parto é ideal que a mamãe procure realizar uma atividade física regular (principalmente fortalecimento de braços) readquirindo um bom condicionamento físico para suportar as fases de desenvolvimento da criança sem que sofra desgastes musculoesqueléticos e não apareçam lesões e desconfortos.

– Sempre que for pegar a criança do chão flexione os joelhos ficando na posição de cócoras, abraçando seu filho junto ao corpo e levantando-se devagar, desta maneira as vértebras da coluna sofrem menos pressão.

– Ao amamentar não incline muito o corpo para frente, use uma cadeira com apoio alto para os braços a fim de ajudar a trazer a criança mais perto do seio.

– Em pé, não force o quadril para frente, apoiando a criança em seu quadril, pois assim você estará somando o seu peso com do seu filho sobre a sua coluna lombar.

– Nunca apoie a criança apenas em uma lateral do quadril, use a força do braço.

Dra Kalina Durigon Keller

Crefito 5 92811 F

Fisioterapeuta do Equilibrium – CTO

 

Confira também

Você sabe como armazenar o leite materno?

A Organização Mundial da Saúde (OMS) e o Ministério da Saúde recomendam o aleitamento materno …

DICA PAIS E FILHOS: Aprenda mais sobre o desfralde

Dra. Estela Giordani Embora eu inicie esta matéria com o exemplo do desfralde, o que …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *