Google+
sexta-feira , 15 dezembro 2017

A melhor escolha na hora de fazer a merenda do seu filho

O lanche escolar saudável é uma grande dificuldade na alimentação infantil. É difícil para a mãe unir praticidade com qualidade e é difícil a criança aceitar o que a mãe escolheu. Muitas vezes o prático não é o mais saudável, mas são o que as crianças mais adoram. E esses alimentos passam a ser consumidos com mais frequência. Hoje há um grande crescimento da obesidade infantil e com certeza a alimentação escolar influência muito nisso.

Existe um meio termo para essa dificuldade. Seguem algumas dicas que irão ajudar na hora do lanchinho:

– Evite monotonia de opções. Procure variar o máximo possível as opções de lanches e as cores para a criança sentir prazer e desejar comer.

– Explique a importância que o lanche escolar tem com a aprendizagem e atenção. A criança necessita estar disposta no período de aula e lanches com grande quantidade de gordura e açúcares deixarão ela prostrada, prejudicando o aprendizagem.

– Procure uma lancheira térmica com gel para melhor acondicionar os lanches que vão queijos, frios, requeijão ou mesmo iogurtes e produtos que necessitam de refrigeração.

– Sempre coloque uma fruta na lancheira. Mas, deixe com que a criança participe da escolha de qual fruta ela quer levar no dia. Se ela não quiser nenhuma, escolha frutas que não estragam com facilidade e envie junto na lancheira. Se a criança não comer não desista, você ganhará na insistência.

 – Além da fruta é necessário levar uma opção de carboidrato, responsável pela energia. Coloque na lancheira pães integrais, bisnaguinha integral, waffle, pão de queijo, bolos, barras de cereais e biscoitos integrais.

– O líquido enviado ajuda a equilibrar os nutrientes da lancheira. Por exemplo: se no lanche ficou faltando uma fonte de proteína pode ser enviado um iogurte para beber, caso a necessidade seja de carboidrato coloque um suco. Se o lanche já estiver bem equilibrado pode ser enviado um chá ou água de coco.

– Os achocolatados e sucos industrializados possuem muito açúcar. Evite colocá-los na lancheira, prepare um suco natural, mesmo que após algum tempo perde-se algumas vitaminas, a grande maioria é preservada além de ter a grande vantagem de ser natural, sem conservador químico.

– Coloque uma garrafinha de água na mochila. As crianças esquecem de beber água. Avise a professora para lembrar o seu filho de tomar a água.

– As geleias de frutas são boas opções de passar no pão por não precisarem de refrigeração.

– Quando for biscoitos ou bolachas não coloque na lancheira o pacote inteiro. Sempre separe as porções de 4 a 5 biscoitos para não correr o risco da criança passar da quantidade adequada.

Lembre-se!
Cada criança tem uma necessidade energética diferente e em alguns casos patologias específicas necessitam de alimentos diferentes. Sempre consulte um nutricionista para saber a melhor opção no caso do seu filho.

Para ficar por dentro de mais dicas, siga o instagram @nalancheiradamel

Gabriela de Bortoli
Nutricionista – CRN 7802

Confira também

DICA PAIS E FILHOS: Atenção, as crianças absorvem tudo!

Dra. Estela Giordani Uma famosa pedagoga italiana, Maria Montessori, escreveu o livro “Mente Absorvente”, vou falar …

ENXAQUECA nunca mais! Vem aí um remédio específico para combater as crises

Se você sofre de enxaqueca sabe, essas dores são terríveis. Mas calma, vem aí um …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *