Google+
segunda-feira , 11 dezembro 2017

Viver feliz e de bom humor comendo bem é possível

Inúmeros estudos revelam a importância da alimentação correta como fonte não só de saúde física propriamente dita, mas sim de saúde emocional e de sentir-se bem. Pensando nisso hoje concluímos a série dos 10 alimentos essenciais para o seu bom humor e bem estar. Confira os últimos 6 desta série:

grão-de-bico-contra-depressãoGrão-de-bico: fonte de ferro, carboidratos e proteínas, o grão-de-bico dá um up na produção de serotonina, já que o alimento é rico em triptofano, o aminoácido responsável pelo bom humor e pela sensação de felicidade. A leguminosa tem ainda magnésio, que proporciona relaxamento, reduz a ansiedade e o estresse.

Recomendação da nutricionista: duas colheres de sopa do grão-de-bico, três vezes por semana.

Soja: a soja e seus derivados contêm isoflavonas, que ajudam na prevenção de doenças do coração, osteoporose, diabetes e, principalmente, o câncer de cólon e de mama, graças ao seu alto poder antioxidante. O alimento contém grande quantidade de proteínas e favorece a síntese de colágeno e de ácido hialurônico, o que proporciona mais firmeza e elasticidade à pele. As isoflavonas também retardam, em longo prazo, o surgimento de rugas. A serotonina, também está presente na soja, sendo uma grande aliada para o bum humor e para a sensação de bem estar e prazer.

Recomendação da nutricionista: 150g de grãos de soja

Laranja: é uma fruta bastante comum da dieta dos brasileiros. Além de ser rico em vitamina C, o fruto reserva uma série de outros benefícios, incluindo melhores condições para o sistema cardíaco e digestivo. Por conter vitamina C e cálcio, a laranja é eficiente na melhora do humor, no relaxamento muscular e no combate ao estresse. Pesquisas indicam que esse efeito acontece porque, entre outros proveitos, a vitamina C diminui a quantidade de hormônios do estresse no sangue e reduz fatores que indicam o estresse físico e emocional.

Recomendação da nutricionista: uma laranja por dia.

fit-woman-eating-yogurtIogurte: o consumo regular de iogurte ajuda a recompor as bactérias benéficas da flora intestinal – chamadas probióticos. É um dos alimentos mais vivos, graças à presença de bactérias benéficas, que equilibram a flora intestinal e previnem as cólicas abdominais. O intestino responde pela produção de 95% da serotonina de todo o corpo, que é um neurotransmissor responsável pelo bom humor. Como as bactérias benéficas do iogurte melhoram a saúde desse órgão, maiores são as chances de estimular a sensação de bem estar e o bom humor, ajudando você a executar as suas tarefas diárias com mais ânimo e disposição.

Recomendação da nutricionista: ingerir de dois a quatro lacticínios por dia, em porções de 200 ml.

Tomate: atribui-se ao tomate a característica de alimento funcional, pois contribui com cerca de 85% do licopeno ingerido diariamente. Além do licopeno, o tomate possui outras substâncias benéficas, como vitaminas A, B e C e sais minerais, como fósforo, ferro, potássio e magnésio. Por conter um elevado grau da substância chamada licopeno, o fruto é capaz de reduzir o risco de doenças como o câncer, principalmente o de próstata e manter o bem-estar.

Recomendação da nutricionista: como o calor aumenta a biodisponibilidade deste nutriente, sendo mais bem absorvido pela corrente sanguínea, o melhor jeito de se consumir o tomate é em forma de molhos, pois, assim, se aproveita ao máximo seu potencial.

azeite-de-oliva-extra-virgemAzeite de oliva: considerado um elemento fundamental no combate às doenças cardíacas, o azeite de oliva, principalmente o extra virgem, apresenta uma grande quantidade de gordura monoinsaturada que não se converte em colesterol. O alimento ajuda a reduzir os níveis do LDL (colesterol ruim) no organismo, minimizando os riscos de problemas como a aterosclerose, o infarto agudo do miocárdio e os acidentes vasculares cerebrais. Também reduzem a formação de radicais livres, atuando como antioxidantes. Segundo estudo, o composto melhora a função da camada que reveste os vasos sanguíneos. Com um coração sadio e disposição não há bem estar que acabe.

Recomendação da nutricionista: dê preferência ao azeite extra virgem, cujo nível de acidez não ultrapassa 0,8% (esta informação deve constar no rótulo do produto). O consumo do alimento deve ser diário, basta que se acrescente 1 colher (sopa), em temperatura ambiente, a pratos prontos ou saladas.

Confira também

saúde, doação de orgãos, dia mundial da doação de orgãos

27/09 – Dia Nacional de Doação de Órgãos e Tecidos

Conheça os mitos e as verdades sobre a doação de órgãos! Sem dúvidas o assunto …

dia do endocrinologista

10 Coisas que você precisa saber sobre tireoide

Responsável pela produção dos hormônios T3 (triiodotironina) e T4 (tiroxina), quando não funciona corretamente pode …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *