Google+
sábado , 19 agosto 2017

Step: um degrau que faz milagres

aula de stepUma aula divertida, aeróbica e que consiste em subir e descer uma plataforma individual de 10 cm (degrau) executando coreografias divertidas, que ajudam a desenvolver a coordenação, o ritmo e a memória. Essa é a aula de step training.

Segundo a educadora física especialista em ginástica de academia, Raquel Correa, o step é uma aula muito animada e envolvente. A variação de passos, aliada a boas músicas e a criatividade do professor, fazem da aula descontraída e eficiente. “O step proporciona, a quem pratica regularmente, benefícios como: melhora do condicionamento cardiorrespiratório; desenvolvimento da capacidade de reação e da velocidade; fortalecimento de ossos, tendões e ligamentos; aumento da percepção e do reflexo; bem estar; além de uma grande queima calórica, podendo perder cerca de 600 calorias em 1h da atividade”, explica.

Raquel explica que o step pode ser praticado por qualquer pessoa, porém, como qualquer outra atividade física, pode causar lesões se não observadas às regras de segurança ou se houver má orientação do exercício.

Atenção aos cuidados de segurança:

– Apoie todo o pé no step e no chão

– Não estenda totalmente o joelho

– Mantenha-se próximo do step

– Suba e desça do step de maneira controlada (suave), sem “bater” o pé no chão para não aumentar o impacto

– Use um tênis com sistema de amortecimento

Como surgiu a prática do step

“Muitas vezes as grandes descobertas acontecem por acaso, e dão certo. Na educação física não é diferente. O step, atividade quase obrigatória nas academias, surgiu assim: quase por acaso”, conta Raquel.

Em 1986, a professora Gim Miller ao sofrer uma lesão, foi recomendada pelo seu fisioterapeuta a ficar subindo e descendo de um banquinho de madeira. A finalidade era reforçar os músculos da coxa (quadríceps), pois a ação muscular no teste de banco sueco tem similaridade com a tarefa motora diária de subir escadas. Usando a sua criatividade, Gim Miller para não ficar naquele sobe e desce chato, começou a conjugar movimentos de braços com pernas e fazer variações interessantes. A ideia deu certo e logo a Reebok aperfeiçoou o exercício lançando no mercado uma excelente atividade cardiovascular: o step training, que de quebra fortalece os músculos das pernas, desenvolve a noção espacial e condicionamento físico. Desde então, o step passou a ser mais um segmento da ginástica.

Raquel Corrêa, educadora física especialista em ginástica de academia.

Confira também

copa panambi volei

Nesse domingo Panambi realiza mais um grande evento esportivo

16 EQUIPES CONFIRMADAS, MAIS DE 190 ATLETAS! Neste domingo acontece em Panambi a 1º Copa …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *