Google+
sexta-feira , 20 outubro 2017
hipnose saúde mente

Saiba mais sobre a hipnose

hipnose saúde mente Resolvemos desvendar esse mito com auxílio da colunista Joselaine Garcia, especialista renomada que traz destaque para a Hipnose Clínica, utilizada em tratamentos emocionais.

O preconceito que abarca esse tema, relacionado à hipnose, se justifica até os dias atuais, porque as pessoas associam essa técnica a uma espécie de show de mágica em que a platéia é induzida a fazer o que não quer, porém este trabalho profissional, a hipnose, é um tratamento muito mais profundo que a superfície da magia e há outras maneiras de aplicá-lo.

É importante não confundir hipnose clínica com a hipnose de palco. A Clínica está sustentada por uma gama de estudos comprovando sua eficácia nas mais variadas enfermidades, ela se vale de técnicas científicas modernas, nas quais o paciente interage e participa conscientemente, tendo total controle do que se passa durante o processo.

Um dos maiores mitos sobre hipnose é perda da consciência ou a revelação de informações que gostaria de manter em segredo. Nada disso é fundamento de análise, durante a hipnose  não se perde a consciência. O paciente ficará ciente de tudo em cada momento e ouvirá tudo que o hipnólogo estiver dizendo. Diferente do que se vê nas imagens, transmitidas por filmes e televisão, o processo hipnótico não priva o indivíduo do controle do seu comportamento. Ele permanece consciente sobre quem é, onde estão e muitas vezes, conseguem recordar de toda a sessão. O paciente não começa, espontaneamente, a falar ou revelar informações que gostaria de manter em segredo. Ninguém pode ser hipnotizado contra a vontade, assim como não pode ser forçado a fazer ou dizer algo que não queira.

A técnica é utilizada no tratamento de diversos problemas emocionais como: depressão, ansiedade, medos, fobias, anorexia, bulimia, problemas sexuais, doenças psicossomáticas, problemas de concentração ou memória, compulsão alimentar, perturbações do sono, problemas conjugais ou familiares, por exemplo.

Os psicólogos são autorizados pelo Conselho Federal de Psicologia a utilizarem a técnica pela resolução 13/2000, a qual ampara o profissional a utilizar a Hipnose Clínica quando indicada,  como coadjuvante do tratamento psicoterápico. Esta técnica reduz e muito o tempo de tratamento, com resultados surpreendentes.

Viver bem começa pela mente

Joselaine Garcia
Psicóloga – CRP/RS 18.433
Psicoterapeuta e Hipnoterapeuta
Pós Graduada em Docência Universitária
Credenciada ao Instituto Brasileiro de Hipnologia
Membro da Sociedade Ibero-Americana de Hipnose Condicionativa
Membro do Latin American Quality Institute
Rua Barão do Rio Branco 1701/101, Centro – Cruz Alta / 55 9167-7928 | Blog: joselainegarcia.blogspot.com.br

 

Confira também

9 dúvidas que você precisa tirar sobre o câncer de mama

– No Brasil todos os dias são descobertos 156 novos casos- O Outubro Rosa é …

Cuidado com as músicas que seu filho ouve

                              …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *