Google+
terça-feira, Maio 22, 2018

Veja uma alternativa para sanar a baixa de nutrientes

Você sabia que o suplemento alimentar é o complemento para as dietas? Ele repõe os nutrientes essenciais como carboidratos, gorduras, proteínas, vitaminas e sais minerais.

O suplemento é tão famoso na área esportiva que cabe receio por parte daqueles que não visam a alta performance, apenas anseiam manter a qualidade de vida, mas, não conseguem alcançá-la somente com alimentos.

A nutricionista Mariana Jacob explica que o uso de suplementos na dieta depende de como está o consumo alimentar do paciente. Por exemplo, se ele não consegue ingerir o volume de micro e macronutrientes fundamentais, é preciso fazer a suplementação.

“Executivos relatam que não conseguem parar as reuniões para fazer uma refeição, outro exemplo é a terceira idade, eles não consumem o quanto deveriam, principalmente os alimentos proteicos como carnes e leguminosos. Tem ainda os vegetarianos que não consomem a quantidade correta. Por isso, para atingir o nível ideal de nutrientes, tem que haver a  suplementação”.

Além disso, a nutri alerta sobre a importância de ficar atento a qualidade do suplemento escolhido e a dosagem correta.

“A suplementação não é algo ruim, ela só vai ser usada de forma maléfica se for feita sem orientação. Por exemplo, o pessoal vai à loja e compra sem indicação, as vezes até suplementos de má qualidade, e aí fora a carga de corante que é alta, normalmente se tem uma quantidade maior de carboidrato do que deveria, e muita lactose.”

Já existem marcas focando na praticidade para quem não tem tempo de fazer uma refeição completa, como é o exemplo da WCup, uma empresa de suplementos alimentares originária da Bélgica. Eles propõem produtos mais leves com uma resposta mais rápida.

De acordo com o responsável técnico da marca, José Roberto Gomes Pinto, o objetivo é beneficiar atletas, bem como aqueles que tem uma rotina corrida e não conseguem se alimentar corretamente, mesmo sem a intenção de frequentar a academia. “Os suplementos são a forma de obter instantaneamente uma reposição de nutrientes essenciais, afinal, nosso corpo não metaboliza os alimentos na mesma velocidade que as reservas são consumidas com atividades físicas e mentais”, explica José.

LEMBRE-SE: Atividades físicas são indispensáveis para alcançar qualidade de vida, isso claro, aliado com uma alimentação adequada, e toda suplementação deve ser prescrita por um profissional capacitado para indicar o produto e a quantidade ideal para o organismo e objetivos de cada pessoa.

 

Confira também

Gamificação: um método para transformar o aprendizado

As relações sociais atualmente envolvem um grande contingente tecnológico já que vivemos em uma era …

Saiba como vencer a falta de Vitamina D

  Quando o assunto é vitamina D existem muitas polêmicas. Inclusive, a Organização Mundial da …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *