Google+
sábado , 16 dezembro 2017

Os dois lados da questão

mitos e verdades aluminioSeja para fazer pratos requintados ou para cobrir tigelas sem tampa, ele está sempre à mão de quem adora cozinhar. Entretanto, além de ‘na mão’ se encontra nas conversas quando alguém questiona sua forma correta de uso.

Seu uso ainda é motivo para muita discussão entre os amantes da culinária. Segundo o escritor e consultor gastronômico Ricardo Penna/Penninha, ele é, em sua grande maioria, utilizado de forma incorreta. Muitos tendem a colocar o lado brilhante virado para fora, pois deixa o visual mais bonito. Porém, não é correto. Se você vai fazer aquela receita deliciosa, com o nosso querido protagonista, deixe sempre o lado brilhoso para dentro. Deste modo não haverá perigo dele grudar no seu alimento e você ou seu convidado não terão o desprazer de acabar engolindo o tão questionado Papel Alumínio.

Riscos à saúde

As hipóteses levantadas através de mensagens divulgadas via e-mail trazem uma série de falsas afirmações a respeito do consumo de alimentos preparados ou acondicionados em utensílios e embalagens de alumínio. A ABAL – Associação Brasileira do Alumínio, em seu site oficial, esclarece:

Afirmação: O alumínio deposita-se no cérebro, causando o Mal de Alzheimer (esclerose mental precoce).

Fatos apurados ABAL: Associações mundiais que atuam com os pacientes de Alzheimer e familiares indicam em seus sites que não há evidências da relação da doença com o alumínio: “Essa teoria está sendo cada vez menos estudada, pois os indícios apontam para a desmistificação dessa probabilidade. A presença de alumínio parece ser consequência da morte neuronal e não sua causa”. Dr. Norton Sayeg – Especialista em Geriatria e Gerontologia da Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG) e Ex-Presidente da Associação Brasileira de Alzheimer (ABRAZ) revela: “Mito: muitas pesquisas demonstram que não existe nenhuma evidência para considerar o alumínio fator de risco para a doença de Alzheimer ou a causa da demência”. Alzheimer´s Association, Chicago, EUA.

Afirmação: As panelas de alumínio contaminam a comida intensamente.

Fatos apurados ABAL: As panelas de alumínio não contaminam os alimentos. Ele é um material reconhecidamente adequado para uso em utensílios que entram em contato direto com alimentos, sem nenhum efeito nocivo ao organismo humano, conforme atesta a Food and Drug Administration – FDA (www.fda.gov), órgão oficial de saúde dos Estados Unidos e no Brasil pela ANVISA (www.anvisa.gov.br).

Confira também

Dúvidas sobre acne

Dúvidas sobre acne

Você já passou dos 25 anos e é vítima das espinhas? Então, tire 4 dúvidas …

Elas querem saber

Desvende os mitos e verdades do mundo feminino que você sempre quis descobrir, mas tinha …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *