Google+
sábado , 23 setembro 2017

Novembro azul

novembro-azulO mês de novembro é dedicado para campanha de prevenção ao câncer de próstata. Partindo deste ponto, o blog da Vitalité traz uma série de matérias tirando todas as dúvidas sobre essa doença. Confira:

Câncer de Próstata, a doença silenciosa

Para saber mais sobre esse assunto, conversamos com o urologista, Dr. Élio Furian, que nos convidou a partir do princípio desta patológica para entendê-la. “Primeiro é preciso saber o que é a próstata. É uma pequena glândula que tem em torno de 20g, como se fosse do tamanho de uma noz. Facilitando mais, é como se fosse um gomo de bergamota. E entre esses gomos fica a uretra”.

A próstata é um órgão interno e só pode ser sentida através do toque. Após os 40 anos, ela tende a crescer e aí entra a importância do exame. Ao fazê-lo são sentidas duas polpas digitais na próstata. Ambas devem ter uma boa consistência, porém se estiverem duras, é sinal de que pode haver algo de errado, como o câncer.  Esse aumento da próstata acontece com quase 98% dos homens. Um dos problemas mais visíveis é a dificuldade na hora de urinar, pois, quando aumentada, a próstata acaba estreitando o canal da urina, por isso o jato fica mais fraco, prolongando o ato de urinar e a bexiga acaba não sendo esvaziada por completa.

“Entretanto, esses sinais são da doença em sua forma benigna, quando aumentada a partir do interior. Já o câncer maligno é bem mais silencioso, como se fosse uma inversão de sentidos” explica o Dr. Élio. A partir daí que se da à importância do exame de toque e da conscientização que propõe a campanha Novembro Azul. Lembre-se, o câncer de próstata maligno é silencioso e incrivelmente perigoso porque não apresenta sinais claros como a versão benigna da doença.

Confira também

careca calvice homens

Implante capilar pode ajudar na recuperação da autoestima

A cirurgia, cada vez mais sofisticada, proporciona um aspecto natural e é eficaz para tratar …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *