Google+
sábado , 25 novembro 2017

Muito além de um corpo bonito

Comer de maneira saudável deixou de ser um alerta apenas estético, tornou-se uma preocupação com a saúde.

Ela é conhecida pelo sistema de atendimento personalizado onde o foco é o planejamento alimentar baseado nas características de cada pessoa. Um dos seus segredos para o sucesso é a paixão pela profissão e a dedicação que teve com a vida acadêmica e pós-formada. Com um extenso currículo na área, composto por vários cursos, especializações e workshops, Gabriela De Bortoli, nossa capa de Outono, revela porque o método personalizado traz tantos resultados positivos e duradouros.

RV: Como que funciona esse sistema de nutrição baseado nas necessidades do paciente?

Gabriela: Bom, eu trabalho com a nutrição personalizada porque o nosso organismo é formado por trilhões de células com necessidades específicas de nutrientes em doses distintas e de acordo com as características genéticas de cada pessoa. Através de avaliações específicas, como o MONITORAMENTO DE GLICOSE E CETONAS NO SANGUE, a bioimpedância, a antropometria, foto antes e depois entre outros, consigo identificar sintomas e características de cada um e relacioná-los a condições de carência ou excesso de determinados nutrientes. A partir daí, através de planos alimentares exclusivos e pessoais, auxilio o organismo do paciente a funcionar plenamente e consequentemente aumentamos o seu bem-estar, proporcionando o resultado esperado.

RV: Então com a nutrição personalizada o resultado vai além de um corpo bonito?

Gabriela: Isso mesmo. Há um corpo bonito sim, mas acima de tudo: saudável. Com um diagnóstico preciso e mudanças positivas nos hábitos, algumas características hereditárias podem ser detectadas e trabalhadas para o resultado ser mais fácil e duradouro, trazendo uma melhor qualidade de vida, com mais energia e disposição.

RV: Você possui uma grande responsabilidade com a saúde dos seus pacientes, quais os desafios para fazer um bom trabalho?

Gabriela: Trabalhar com nutrição em si já se torna um desafio porque eu trabalho com hábitos que as pessoas carregam há anos. Mas, poder transformar a qualidade de vida delas através de uma alimentação adequada, por consequência tornar seu sono melhor, aumentar sua disposição, autoestima e ainda diminuir os riscos de contrair doenças crônicas supera todos os desafios. Procuro estar sempre atualizada, ofereço meios para meu paciente ter mais facilidade de seguir a dieta proposta, seja através de aplicativos, exames ou testes realizados no próprio consultório como: glicose, cetonas e bioimpedância – relevantes para algumas estratégias nutricionais. Em cada consulta busco educar nutricionalmente meus pacientes para que no futuro consigam cuidar de sua própria nutrição entendendo conceitos simples, porém fundamentais para a boa saúde e manutenção do peso.

3 TOP DIETAS

A busca por um estilo de vida mais saudável com o advento da internet tornou-se moda. Tipos de dietas na mídia não faltam, porém é importante, antes de iniciar uma, a busca por orientação especializada de um nutricionista a fim de evitar problemas resultantes da falta de ingestão de substâncias necessárias para o bom funcionamento do organismo. Confira as que estão em alta:

Dieta Paleolítica

O segredo é tentar seguir uma alimentação como tinham nossos ancestrais há milhões de anos: carne vermelha, sementes, castanhas e carboidratos.
Vantagens
– Alta ingestão de antioxidantes, fibras, vitaminas e baixa ingestão de sal.
Desvantagens
– A exclusão de leites e derivados pode levar à deficiência de cálcio, por estes serem as principais fontes.

Dieta Mediterrânea

A rotina alimentar desta dieta é baseada na alimentação da região mediterrânea, com alto consumo de frutas, verduras, legumes, cereais, leguminosas, oleaginosas, peixes e vinhos, visando uma alimentação equilibrada.
Vantagens
– Tem um cardápio que aceita bem ingredientes brasileiros.
– Ajuda a enfrentar problemas cardíacos, o colesterol alto e também a hipertensão por reduzir a quantidade de gordura saturada da alimentação.
Desvantagens
– Tome cuidado com a quantidade dos alimentos mais calóricos ingeridos como azeite, castanhas e o próprio vinho para não ter o efeito contrário. Incluir o vinho tinto é permitido, desde que mantenha uma rotina de atividades físicas.

Dieta low-carb

O termo em inglês define a redução dos carboidratos e aumento subsequente de proteínas e gorduras.
Vantagens
– A perda de peso é rápida devido ao consumo limitado de carboidratos.
– Bem como as dietas à base de proteínas, a low-carb sacia por mais tempo após a refeição.
Desvantagens
– Há a perda de músculo junto com a gordura, o que deixa o metabolismo mais lento.

Esses protocolos de dietoterapia têm inúmeros pontos positivos e outros negativos. Sendo assim, nenhuma dieta pronta será útil e eficaz para uma massa populacional. Cada pessoa deve ser analisada através de seus inúmeros aspectos fisiológicos e sociais, para depois ser elaborado um planejamento alimentar exclusivo, onde muitas vezes se utiliza diversos protocolos e estratégias nutricionais diferentes. Nunca faça essas dietas sem acompanhamento de um profissional da nutrição.

Confira também

A robótica e o aprendizado infantil

Robótica, a ciência encarregada de planejar robôs, está presente em vários âmbitos da nossa vida, …

DICAS PAIS E FILHOS: Como seu filho te vê?

Dra. Estela Giordani Como seu filho percebe que é amado por você e pelas pessoas …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *