Google+
sexta-feira , 15 dezembro 2017

Furando a orelhinha do bebê

babyAo descobrir que o bebê será uma menina, muitas mamães já começam a pensar em todos os enfeites, acessórios e roupinhas que a criança irá usar. Uma das principais preocupações é sobre a perfuração das orelhas e colocação dos brincos.

Atualmente, devido à legislação, existe uma nova técnica de aplicação, na qual a perfuração e aplicação dos brincos acontecem em um único momento, com material totalmente descartável e esterilizado, minimizando o sofrimento da criança e principalmente os riscos de infecção.

No Laboratório Bisso, usamos o sistema de aplicação mais moderno, a STUDEX, referência mundial em perfuração de orelhas, que foi desenhado para proporcionar mais segurança ao aplicador e principalmente mais conforto para o bebê.

Sua aplicação é rápida, silenciosa, higiênica sem contato manual. O aparelho de aplicação é leve com design anatômico, facilitando o manuseio e garantindo a colocação com precisão. Além disso estamos com uma linha completa de brincos em aço inox cirúrgico, totalmente antialérgica, esterilizada e isenta de níquel (nickel free) nos modelos folheados a ouro 24 kts.

Dicas importantes sobre a higiene das orelhinhas após a colocação dos brincos
A higiene deve ser feita diariamente com álcool a 70° durante os primeiros 15 dias. Neste período, é importante girar suavemente os brincos para evitar que ele “grude” nos lóbulos. Não se deve tirar o brinco antes do furo completar dois meses, do contrario ele pode fechar.

Muita atenção ao perceber inflamações e ou vermelhidão, aquecimento da área ou sensibilidade demasiada – procure logo o auxílio de um pediatra.

Adriano Bisso

Biomédico residente em gestão

Confira também

DICA PAIS E FILHOS: Atenção, as crianças absorvem tudo!

Dra. Estela Giordani Uma famosa pedagoga italiana, Maria Montessori, escreveu o livro “Mente Absorvente”, vou falar …

ENXAQUECA nunca mais! Vem aí um remédio específico para combater as crises

Se você sofre de enxaqueca sabe, essas dores são terríveis. Mas calma, vem aí um …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *