Google+
terça-feira , 17 outubro 2017

Football Americano

cruzaltatroppesUm esporte que exige esforço e resistência. Assim é o Football Americano, que está ganhando espaço no Brasil. O esporte, que nasceu na Inglaterra, está se popularizando, atraindo muitos adeptos. Hoje, são realizados, inclusive, grandes campeonatos brasileiros da modalidade. Em Cruz Alta, desde o início de 2013, existe um time que, embora novo, já reúne um grande número de praticantes. Alguns o buscam, simplesmente, pela admiração ao esporte. Outros, pelos benefícios que ele proporciona. 

De acordo com Eliandro Portela, Quarterback dos CA Troopers, além do Football Americano trazer um grande benefício à saúde dos seus praticantes – por ser um exercício físico intenso, já que se baseia na força e explosão muscular – também é um esporte que trabalha estratégia e concentração. “Suas decisões devem ser tomadas muito rapidamente, pois além do relógio, o objetivo da defesa do time adversário é te derrubar o mais rápido possível. Portanto é um esporte que nos traz vários benefícios, além de físico, também o mental”, explica Eliandro. Além disso, no FA não há restrições para a participação de mulheres no jogo. “O importante é ter habilidade e força necessária para jogar de igual para igual com seus adversários”, diz.

A ideia de formar um time de FA em Cruz Alta, conta Eliandro, surgiu no final de 2012, quando acompanhava os jogos da Liga de Football Americano pela TV. Torcedor do San franciso 49ers, a frustração batia por não ter com quem conversar sobre os jogos no dia seguinte. Então, decidiu abrir um grupo no Facebook (NFL Cruz Alta). Convidou dois amigos, que convidaram outras pessoas que, também gostavam de FA. “Com o tempo resolvemos marcar um jogo, e outro, e outro, até que decidimos formar um time. Assim nasceu o ‘Cruz Alta Troopers’”, explica. O time conta com 25 jogadores, sendo que para estar completo são necessários 11 titulares do ataque e 11 da defesa.

Estando o grupo formado, o próximo passo é a participação em campeonatos. “Embora tenhamos poucas equipes no estado, o RS já possui um campeonato gaúcho de FA. Existe, também, o campeonato brasileiro deste esporte, com mais de 30 equipes. Nosso objetivo primário é termos o necessário para jogar o campeonato gaúcho de 2016. A equipe vem treinando sério para conseguir alcançar essa meta”, revela.

Embora exista vontade e muito esforço, o grupo esbarra na falta de incentivo. Como se trata de um esporte novo torna-se difícil arrumar um patrocinador. Mesmo assim, continuam treinando. “Sabemos que a vitória não vem sem esforço, por isso continuamos na luta para alcançar nossos objetivos”, diz.

Confira também

esporte e saúde na água

Esporte até debaixo d’água

Que fazer atividade física faz bem para a saúde todo mundo sabe. Mas cada tipo …

JUDÔ CRUZ ALTA

Cruz-altenses trazem ótimos resultados da Supercopa Canoas de Judô

Aconteceu no ultimo sábado (15), a Supercopa Canoas no Centro Olímpico Municipal da cidade de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *