Google+
sexta-feira, julho 20, 2018
tire suas duvidas

Tire suas dúvidas sobre a criolipólise, o tratamento estético mais falado do momento

tire suas duvidasAcompanhamos o caso da Priscila Ribeiro, em Cuiabá, que decidiu fazer uma sessão de criolipólise para se livrar daquela gordurinha indesejada no abdômen. Acontece que o que era para ser um tratamento estético comum, se tornou um grande pesadelo: ela teve uma queimadura de terceiro grau super séria na região da barriga! Por isso, reunimos algumas informações que você precisa saber antes de tomar a decisão de fazer ou não a criolipólise.

O que é a criolipólise? É um tratamento para gordura localizada, mais eficiente em lugares como abdômen e nos famosos “pneuzinhos”.

Como é feito o tratamento? Uma máquina é responsável por sugar a parte do corpo e submeter as células a uma temperatura de mais ou menos -10°. “Quando congeladas, cristais são formados e a célula de gordura é quebrada”, conta Valéria Campos, dermatologista Vice Coordenadora do Departamento de Laser da Sociedade Brasileira de Dermatologia, de São Paulo.

Qual o resultado esperado? É possível que cada pessoa tenha uma reação ao tratamento, mas, em média, é possível perder 3 cm por sessão. O recomendado é fazer 3 sessões em cada lugar do corpo com espaço de 1 mês entre elas, já que a pele fica sensível quando exposta a temperaturas tão baixas. O resultado é muito mais eficiente se aliado a dieta e exercícios físicos.

Quais são os riscos? Procure fazer com um dermatologista – médico que estudou tudo sobre pele – pois ele saberá ver na hora possíveis reações indesejadas. “O frio pode provocar queimaduras. Cada pele tem uma resistência e pode não aguentar certas temperaturas”, conta o Vitorio Maddarena, diretor da clinica Maddarena em São Paulo. Além disso, peça para ver (sim, você tem direito e não tenha vergonha!) se o profissional tem licença da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para usar a máquina e tenha certeza de que ela está com a manutenção em dia. Tudo isso para você não se arrepender depois. Dependendo do nível de gravidade, as feridas podem precisar de cirurgia! Se a queimadura for de terceiro grau, por exemplo, é preciso retirar a pele morta e fazer um enxerto. Isso pode te render uma bela cicatriz.

Escrito por Mariana Saad Masotti (colaboradora) Editado por Manuela Aquino em Cosmopolitan Brasil

Confira também

1º biquíni menstrual chega ao Brasil ainda este mês

O biquíni e o maiô menstrual são uma nova alternativa frente aos absorventes tradicionais, e …

Quebrando o tabu: cirurgia íntima, fazer ou não?

Vamos falar sobre estética íntima? Para começar: você precisa estar de bem com a sua …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.