Google+
sexta-feira , 20 outubro 2017
tire suas duvidas

Tire suas dúvidas sobre a criolipólise, o tratamento estético mais falado do momento

tire suas duvidasAcompanhamos o caso da Priscila Ribeiro, em Cuiabá, que decidiu fazer uma sessão de criolipólise para se livrar daquela gordurinha indesejada no abdômen. Acontece que o que era para ser um tratamento estético comum, se tornou um grande pesadelo: ela teve uma queimadura de terceiro grau super séria na região da barriga! Por isso, reunimos algumas informações que você precisa saber antes de tomar a decisão de fazer ou não a criolipólise.

O que é a criolipólise? É um tratamento para gordura localizada, mais eficiente em lugares como abdômen e nos famosos “pneuzinhos”.

Como é feito o tratamento? Uma máquina é responsável por sugar a parte do corpo e submeter as células a uma temperatura de mais ou menos -10°. “Quando congeladas, cristais são formados e a célula de gordura é quebrada”, conta Valéria Campos, dermatologista Vice Coordenadora do Departamento de Laser da Sociedade Brasileira de Dermatologia, de São Paulo.

Qual o resultado esperado? É possível que cada pessoa tenha uma reação ao tratamento, mas, em média, é possível perder 3 cm por sessão. O recomendado é fazer 3 sessões em cada lugar do corpo com espaço de 1 mês entre elas, já que a pele fica sensível quando exposta a temperaturas tão baixas. O resultado é muito mais eficiente se aliado a dieta e exercícios físicos.

Quais são os riscos? Procure fazer com um dermatologista – médico que estudou tudo sobre pele – pois ele saberá ver na hora possíveis reações indesejadas. “O frio pode provocar queimaduras. Cada pele tem uma resistência e pode não aguentar certas temperaturas”, conta o Vitorio Maddarena, diretor da clinica Maddarena em São Paulo. Além disso, peça para ver (sim, você tem direito e não tenha vergonha!) se o profissional tem licença da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para usar a máquina e tenha certeza de que ela está com a manutenção em dia. Tudo isso para você não se arrepender depois. Dependendo do nível de gravidade, as feridas podem precisar de cirurgia! Se a queimadura for de terceiro grau, por exemplo, é preciso retirar a pele morta e fazer um enxerto. Isso pode te render uma bela cicatriz.

Escrito por Mariana Saad Masotti (colaboradora) Editado por Manuela Aquino em Cosmopolitan Brasil

Confira também

10 dicas para prevenir a alergia na primavera

Conhecida como a estação mais bela do ano, a primavera chega para alegrar nossas vidas …

9 dúvidas que você precisa tirar sobre o câncer de mama

– No Brasil todos os dias são descobertos 156 novos casos- O Outubro Rosa é …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *